As visitas de Michael Jackson ao Brasil


Michael Jackson visitou o Brasil por três vezes durante sua carreira. A primeira aparição foi ainda com os Jackson 5 na década de 70. Mas foi nos anos 90 que ele causou comoção ao pisar no país outras duas vezes.

Michael já havia lançado três discos solo quando se apresentou no Brasil com os Jackson 5 em setembro de 1974 durante uma turnê pela América Latina.

No Brasil, o grupo cantou em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Brasília e Belo Horizonte.

Apesar do sucesso do grupo à época, Michael ainda não havia se tornado um dos maiores ícones da música, o que só aconteceria em 1979 com o lançamento de “Off the Wall”, álbum solo que vendeu 11 milhões de cópias.

Foram precisos 19 anos para que ele voltasse ao Brasil já como o “rei do pop”. Tentando se esquivar das primeiras acusações de pedofilia, Michael desembarcou no Brasil em outubro de 1993 para dois shows: um no dia 15 e outro no dia 17 no estádio do Morumbi, em São Paulo.

As apresentações reuniram, juntas, mais de 200 mil pessoas. Os fãs ficaram estarrecidos com a superprodução, que contou com fogos de artifício, canhões de luz e laser, além de uma tela gigante de cristal líquido, uma novidade na época.

As duas horas e vinte minutos de espetáculo, no entanto, não foram suficientes para que o cantor incluísse no repertório um de seus maiores sucessos, “Beat It”, de “Thriller”, seu principal disco

Acidente

Foi entre um show e outro que Jackson acabou quebrando o protocolo no Brasil. A comitiva de vans que o acompanhava tinha a missão de o proteger e garantir o cumprimento de sua agenda, mas foi justamente uma delas que causou um acidente que poderia ter manchado a passagem do cantor pelo país.

Um desses veículos atropelou dois irmãos quando Michael Jackson deixava a fábrica de uma empresa de brinquedos que visitara. A menina não sofreu nenhum ferimento grave, mas seu irmão, Márcio Alberto de Paulo, 15, acabou quebrando a perna.

Jackson, então, decidiu visitar o garoto no hospital. Ele chegou rodeado por seguranças e posou para fotos com os médicos antes de entrar no quarto em que o garoto se recuperava. Ele deu um longo aperto de mão no menino, abraçou a irmã e cumprimentou os pais, tudo fotografado e filmado. Logo depois, ele pediu que todos saíssem, e ficou por 15 minutos conversando com a família.

Clipe

Michael Jackson voltou ao Brasil três anos depois, em 1996, com a missão de gravar um clipe para o single “They Don’t Care About Us”, do disco “HIStory: Past, Present and Future Book I”, lançado no ano anterior.

O cantor escalou o grupo Olodum para tocar percussão pelas ruas do pelourinho, em Salvador, na Bahia, e na favela Dona Marta, no Rio de Janeiro.

Apesar da festa que estava armada para a gravação do vídeo, o governo carioca quase impediu as filmagens porque acreditava que sua divulgação pudesse prejudicar a imagem do país no exterior.

O problema foi solucionado pelo diretor do clipe, Spike Lee, que negociou com o traficante ligado ao Comando Vermelho, Marcinho VP, e conseguiu permissão para filmar no morro carioca.

Fonte: Folha Online

♥♥ Adriana ♥♥

Beeiiijjiiimmm….

Anúncios

2 pensamentos sobre “As visitas de Michael Jackson ao Brasil

  1. OI,KAROL as três vezes que ele deu o ar da graça por aqui naõ pude vê-lo,a primeira eu ainda era um bebe ,a segunda eu estava pra ser mãe,a terceira tinha uma linda menina precisando de mim o tempo inteiro,Más isso naõ me impediu de continuar a ama-lo eternamente.BEIJOS AMEI……………….

    • Na primeira vez que ele veio eu não existia, na segunda eu ainda ñ existia, mas na terceira eu era uma criança, mas nunca deixei de gostar dele, cresci vendo e ouvindo ele.

      BJUSSSSSSSSSSSSSSSSSSS………….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s