‘Hollywood Tonight’ recupera marcas de Michael Jackson


Mais um videoclipe póstumo de Michael Jackson está disponível na internet. Após o fraco “Hold My Hand”, dueto com Akon dirigido por Mark Pellington, “Hollywood Tonight”, do diretor Wayne Isham, retoma a energia e a força do artista que melhor soube aproveitar os potenciais artísticos e mercadológicos do videoclipe, transformando-o quase num curta-metragem, cuja narrativa muito envolvente é conduzida pelo ritmo da música e por movimentos de câmera bastante ágeis.

A atriz argelina Sofia Boutella interpreta com grande emoção uma garota interiorana que chega à Hollywood em busca do sonho de se tornar uma dançarina famosa.

A primeira imagem é arrasadora: a garota desce de um ônibus enquanto escuta-se o trecho de um canto gregoriano. Porém, logo no primeiro teste, ela não é selecionada e sai arrasada, até retomar as energias e dançar pelas calçadas imitando o ídolo Michael Jackson e contracenar com imagens dele projetadas em telões. A referência ao clássico videoclipe “Billie Jean” (1982), dirigido por Steve Barron, é emocionante, assim como a aparição da garota em cima da estrela do ídolo na Calçada da Fama e vários cartazes dele espalhados pela cidade. Os passos de dança da moça são igualmente arrasadores.

Em seguida, a garota, que descola uns trocados como garçonete, faz mais um teste, agora para ser dançarina de pole dance numa boate erótica. Mas retorna às ruas, após ser assediada e sair escoltada, e continua na batalha até dançar com casaco preto brilhante, calça e chapéu igualmente pretos, que se tornaram marcas de Michael Jackson, na frente de um teatro, com vários acompanhantes. Trata-se do enredo manjado da luta pelo sonho artístico, que teve como um dos seus maiores ícones o filme “Flashdance”, dirigido por Adrian Lyne, em 1983, homenageado por Jennifer Lopez em “I’m Glad”, dirigido por David La Chapelle, vinte anos depois.

O diretor de “Hollywood Tonight” é Wayne Isham, famoso por obras-primas como “Livin’On A Prayer”, do Bon Jovi; “Spending My Time”, do Roxette; “I Want It That Way”, do Backstreet Boys; e “Livin’La Vida Loca”, de Ricky Martin. Ele também foi o responsável por “You Are Not Alone” (1995), do Michael Jackson, gravado no interior do Teatro Pantages, onde também foram registradas imagens dessa nova produção, que convence e agrada, acima de tudo, pelo respeito às principais marcas do Rei do Pop

 

Fonte: YahooNotícias

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s